Siga nas redes

POSTALIS: FINDECT negocia suspensão da Contribuição Extraordinária

Publicado em 14/05/2015

Fonte:


A FINDECT, representada pelos diretores, companheiros Gandara e Diviza, participou de reunião no Ministério  das Comunicações, às 16 horas de hoje , 14 de maio, para tratar da Contribuição Extraordinária do Postalis.

Dentre as reivindicações, ficou pré-acordado que as contribuições extraordinárias ficarão suspensas até o final deste ano. Nesse período (8 meses), será constituído um grupo de trabalho, com representantes dos trabalhadores. Esse grupo discutirá a auditoria sobre o déficit; auditoria do passivo; revisão e pagamento do RTSA; forma de equacionamento do eventual déficit remanescente e revisão estatutária.

Solicitamos, ainda, tornar sem efeito os pedidos de cancelamento da inscrição dos participantes (trabalhadores que recentemente pediram o desligamento do Postalis), desde que haja concordância dos mesmos.

Esclarecemos que a definição das reivindicações será definida no  início da próxima semana, por isso, pedimos aos companheiros que aguardem novas informações, que serão divulgadas pela FINDECT.

A definição acontecerá na próxima semana tendo em vista que a situação depende de autorização/aprovação de outros órgãos.

Tranquilizamos os companheiros e companheiras ecetistas, pois, temos plena convicção de que a atual situação do Postalis e sua contribuição extraordinária será resolvida.

Compartilhe agora com seus amigos

Comentários

Administração Central

Agradeço o empenho da federação! Com certeza faremos o melhor para arrumar o que fizeram de mal ao postalis, durante esses anos...

Que os Anjos digam Amém . Sabia que nós trabalhadores ,seria injustiçado , pagar por uma dívida que nós não fizemos . Aguardamos éssa decisão definitiva

Que os Anjos digam Amém , sabia que nós trabalhadores , não poderíamos pagar por uma dívida que nós não fizemos , seria muita ,mas muita injustiça da parte da patrocinadora descontar em nosos holerites ,esse Rombo por má administração por parte de administradores Irresponsaveis . a Justiça de Deus não falha , aguardaremos essa decisão definitiva .

HELIO AMARO DIAS FILHO

Parabenizar a FINDECT, na pessoa de seu Presidente José Aparecido Gimenes Gandara e sua diretoria, que tem de forma serena e tranquila trabalhado a favor dos trabalhadores dos Correios, sem alarde, mas de forma contundente.

jovenilton dos santos

Companheiro Diviza,o dinheiro roubado era nosso,os ladrões são eles,como que eu vou pagar alguem que guardava meu dinheiro e eles deixaram roubar,eles que tem que me pagar e depois todos na cadei.

Ricardo Nogueira Felicio

Estou pronto pra lutar contra e colaborar com que seja de direito.

vanderlei aparecido santos

parabens ,a todos trabalhadores e trabalhadoras que de forma simples (na pressao) conseguiram atraves dos representantes que realmente se importam com esta classe ,um passo positivo na busca de uma soluçao definitiva deste equacionamento cuja a culpa e de alguem ,menos de nos trabalhadores; parabens gandara e diviza: pela findect,fazendo sempre acontecer.

Joceani Nascimento

Agradeço a iniciativa da FINDECT e as propostas negociadas com o Ministério das Comunicações. Apoiamos esse tipo de mobilização que visa a proteção de todos os trabalhadores da ECT.

JOÃO BATISTA

É companheiros, alguns diante de algumas situações, saem chutando tudo pela frente. Porem os companheiros da findect mostram que com serenidade e inteligencia se pode resolver muitas coisas sem prejuizo pra ninguem. Parabéns aos colegas gandara e diviza, vamos agora aguardar e torcer para que de tudo certo.

Maria Eulalia LIma Strelau

Agradeço e parabenizo a iniciativa da FINDECT pelo sucesso na negociação com o Ministério das Comunicações.

Joceani Nascimento

Agradeço também os representantes da ADCAP, ANAPAR, FENTECT, FAACO, ANAPOST e ARACT que estiveram reunidos com os servidores do Ministério das Comunicações e com o apoio da FINDECT conseguiram negociar uma proposta coerente em prol dos participantes injustiçados do POSTALIS.

Elisabet Meyer

É momento de união em prol da manutenção de nossos direitos, assim, agradeço a todos que abraçam a causa em nossa defesa, afinal, não é justo pagar duas vezes pelo mesmo benefício, tampouco deixar de receber o benefício pelo qual pagamos por décadas.

Roseli Vieira

Que seja feita justiça, é inadmissível que após mais de 30 anos de contribuição, eu não tenha o retorno do que foi poupado para ter uma aposentadoria digna, e tenha que pagar pelo erro de outros,não quero viver catando latinhas de cerveja como a maioria dos aposentados deste país. Isso não é justo!!

Marcos Karkow

Parabéns a SINTEC. Desejo ao grupo de trabalho, sucesso, comprometimento e seriedade.

LUIZ ANTONIO NARDINO

É pessoal fico deveras satisfeito com tal medida mesmo que paliativa por enquanto,apenas fico indignado com a falta de informações da ARACT,onde sou sócio-fundador e por semelhança a FAACO(Federação dos aposentados)...até agora nada nos foi informado. Quanto a FINDECT,dou aqui meus mais sinceros parabéns pela luta constante e precisa.

Diomédio

É assim que deve trabalhar uma FEDERAÇÃO de FATO, com seriedade, transparência, equilíbrio e coerência. Com um único objetivo: a defesa dos direitos dos trabalhadores e trabalhadoras da ECT.

Norival Rosa Balmante

VAMOS LUTAR POR NOSSOS DIREITOS ATÉ O FIM, PAGAR POR ERROS DE DIRETORES INCOMPETENTES NUNCA. QUE DEUS NOS GUARDE DESSE MAL.

Jose A. Zanetti

Caros. Que sejam esclarecidas as verdadeiras razões por investirem em bancos que pouco depois quebraram. Investiram no Banco Santos, Banco do Zé, Banco do Mané etc... e pouco depois eles quebraram. Investiram na Venezuela, na Argentina, nos Estados Unidos sem jamais consultarem se os associados estavam de acordo uma vez que usaram o nosso dinheiro. Dizer que foi coincidência é achar que acreditamos em Papai Noel ou em assombração. Já que é assim vamos assombrar e que sejam chamados para depor na CPI aqueles que indicaram os presidentes do Postalis, quais foram as condições impostas para tais indicações, vasculhar as contas e o patrimônio de todos os envolvidos e recuperar o que a justiça determinar.

Reginaldo França

Espero que tudo termine com justiça e segurança para ambas partes. Pois depositamos todas as esperanças uma aposentadoria. calma e justa. Como sócio fundador fiz muitas palestras para filiações e não quero que o Postalis destrua os sonhos de todos os seus sócios. A crédito que haverá um acordo.

Antônio Marcos

Somente me sentirei tranquilo quando ver meus sentimentos assegurados e os de meus colegas e os dos nossos familiares também

CLAUDIO

Não agradeco porque justiça não se agradece e o problema só foi postergado, e seria sinal de inteligência se findect fentect parassem com essa briguinha de porta de buteco, pois quem ganha com isso é a ECT que faz o que quer com o funcionário

joao

Como ficou a situação do desconto do Postalis já esta confirmada a suspensão?

CLAUDIO

ADCAP participará de audiência pública no Senado sobre o POSTALIS 19/05/2015 O Presidente da ADCAP, Luiz Alberto Menezes Barreto, participará de audiência pública no Senado a ser realizada no dia 09 de junho. A audiência, proposta pelo senador Flexa Ribeiro (PSDB-PA), foi marcada para o dia 09/06 pelo presidente da Comissão de Meio Ambiente, Defesa do Consumidor e Fiscalização e Controle (CMA), senador Otto Alencar (PSD-BA). Serão também convidados para a audiência o presidente do Postalis, o presidente dos Correios, o diretor-superintendente da PREVIC e o secretário geral da FENTECT.

AILTON SOUZA FILHO

COMEÇOU O DESCONTO EXTRAORDINARIO DO POSTALIS JENTE EAI COMO VAI FICAR AGORA VAMOS ACEITAR . SEM FAZER NADA.

Nao basta protelar, temos que fazer acompanhamento ostensivo, as várias correntes dos sindicatos tem nos deixado órfãos.

Não basta protelar, é preciso maior intensidade nas cobranças, tanto junto ao governo como a direção da empresa que é política. Não se pode ser brando com o presidente da empresa, Sr. Wagner Pinheiro, ex sindicalista, pois ele é o maior responsavel pelo atual estado de coisas, pela conivencia e omissão. Tal qual a lavajato precisamos cobrar maiores apurações em relação aos desvios, indicações politicas, extravios para campanhas politicas, investimentos premeditados e criminosos. Até cégo já consegue enxergar o que realmente houve e está havendo no Postalis, até o atual desconto é ilegal e apsar de tudo ninguém está questionando, pior ainda, acham que estão fazendo grande coisa. Os diretores na sua maioria, na cúpula, não são filiados, não contribuiram por mais de trinta anos, por isto, não importam. Várias funções, no alto escalão, são ocupadas por sindicalistas daí a falta de empenho. Eles contribuem com o Postalprev, que les dá uma aposentadoria melhor pois devido as altas gratificações, terão em pouco tempo uma aposentadoria a nível dos politicos. Leiam sobre os sindicalistas da europa e EUA e entedam sobre o que digo. Unifiquem as federações essa brida entre FENTECT e FINDECT serve apenas para nos deixar sem pai e sem mãe, opartido de vocês deve ser os filiados. Que o bom senso seja a tonica das vossas atuações.

Nao basta protelar, temos que fazer acompanhamento ostensivo, as várias correntes dos sindicatos tem nos deixado órfãos.

Como deveria se sentir um trabalhador que contribuiu durante 33 anos, com o Postalis, incentivou vários colegas novatos a se filiar. Daí, ao se aposentar e ver 35% do seu benefício ser subtraído de uma hora para outra. Vários foram os culpados, más, poucos foram os vigilantes, nós nunca tivemos como opinar sobre aplicações e outros investimentos e quem autorizamos, atravez de voto, a fazer isto, alguns, ou estão com função na empresa ou estão no Postalis. Deus vai mostrar, de uma forma ou de outra quem foram os culpados, e eles pagarão.

paulo

Pobres companheiros,como sempre, esperando a vinda do salvador.Não ha mais salvação para este plano é triste, mais é isso.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *