Siga nas redes

União da categoria Ecetista garante manutenção de direitos e benefícios

Publicado em 30/08/2018

Fonte:


Campanha Salarial 2018 assegurou reposição da inflação (3,61%) e conquistas históricas dos Ecetistas

Assinatura do ACT ocorreu nesta quinta-feira (30/08), no TST.

Após um longo período de reuniões, mobilizações, negociações e assembleias em todo o país, a Campanha Salarial 2018 se encerra com a assinatura do Acordo Coletivo de Trabalho. Mesmo diante de um período de incertezas políticas e econômicas, a categoria ecetista conquistou a manutenção de todos os direitos e benefícios, e reposição da inflação. A assinatura do acordo reflete a responsabilidade dos representantes da categoria, e a credibilidade de FINDECT, e dos Sindicatos filiados, como representantes dos Trabalhadores e Trabalhadoras.

Em um momento de grandes retrocessos, com o Estado nas mãos de um grupo golpista, os ataques e ameaças aos direitos e benefícios conquistados historicamente pelos Trabalhadores está em risco. A reforma trabalhista e o teto dos gastos, que congelou investimentos em educação, saúde e aumento salarial, acertaram em cheio os milhares de Trabalhadores brasileiros. Os companheiros Ecetistas, em especial, foram golpeados com perdas de direitos – como a ampliação do custeio do plano de assistência médica – e ameaças de privatização e terceirização da mão de obra.

Assista à audiência online:

Mas, mesmo apesar das adversidade, tentativas de manipulação e jogo sujo da direção da Empresa, a união dos Ecetistas possibilitou a manutenção de todas as conquistas. A união das Federações e Sindicatos – responsáveis e de luta, apoiados pela grande maioria dos companheiros e companheiras Ecetistas, trouxe resultado e representou um grande momento histórico para a categoria.

No entanto, após a assinatura do ACT, que marca o fim da Campanha Salarial, é importante manter a mobilização e união. A FINDECT destaca que a resposta da categoria aos ataques e ameaças deve vir, em primeiro momento, nas urnas. As eleições deste ano terão grande protagonismo para o futuro do país. É preciso renovação e representação verdadeiramente trabalhadora. Seja na Congresso Nacional, ou mesmo à frente da Presidência do Brasil.

Por isso, a Federação conclama aos Trabalhadores e Trabalhadoras Ecetistas a discutirem e debaterem sobre as propostas e planos de governo dos candidatos. Atualmente, a categoria forma um grupo com mais de 100 mil Ecetistas e, se considerar familiares e amigos, este número torna-se ainda maior. O poder dos Trabalhadores dos Correios é gigantesco, e pode trazer mudanças tanto para a conquista de direitos e benefícios para a categoria, quanto para a ampliação de programas sociais e investimentos na população.

A campanha salarial se encerra com a assinatura do Acordo Coletivo de Trabalho 2018/2019, e nele estão garantidos todas as conquistas históricas da categoria. Mas a luta, como cada trabalhador e trabalhadora sabem, é diária!

Trabalhadores Ecetistas, uni-vos!

Compartilhe agora com seus amigos